Cartilha Maternal de João de Deus Notas por João Gomes Mota
  1. Como usar a Cartilha Maternal na Internet
  2. Visualização e Navegação
  3. Como usar os exercícios
  4. Sobre a adaptação da Cartilha Maternal
  5. A sua opinião conta..

Como usar a Cartilha Maternal na Internet em maiúsculas

Caro Leitor,

regozijo-me com o seu interesse por esta adaptação da Cartilha Maternal. Espero que lhe dê tanto prazer usá-la como me deu fazê-la. Escrevi estas notas para proporcionar aos alunos e aos seus educadores uma utilização óptima.

Resisti à ideia de apresentar a Cartilha Maternal em maiúsculas pois, embora o uso de maiúsculas isoladas me pareça adequado, não gosto de palavras e frases escritas em maiúsculas. Não obstante, constato que os primeiros contactos das crianças com as letras é feito com maiúsculas e por isso acrescentei esta opção após pedido de alguns leitores - ou dos seus alunos.

Ao transpôr a Cartilha Maternal para as páginas da Web foi necessário fazer algumas alterações.

Como a maioria dos monitores de computador têm maior largura do que altura enquanto as páginas da Cartilha Maternal têm maior altura do que largura, foi necessário fazer ajustes na distribuição espacial das palavras, mantendo o máximo de oito linhas por página nas Lições. Se o leitor imprimir esta adaptação, aconselho-o a orientar a página da impressora de acordo com o monitor para maximizar a área útil.

Mantive a divisão silábica, optando por grafar as palavras a preto e a cinzento. Se o leitor julgar que as letras são pouco legíveis, contacte-me.

Usei um tamanho de letra muito grande para facilitar a aprendizagem das formas das letras e para que as poucas palavras que existem em cada página não se perdessem num oceano de branco. Os tipos grandes facilitam também uma possível projecção na parede para uma visualização colectiva.

  1. Como usar a Cartilha Maternal na Internet
  2. Visualização e Navegação
  3. Como usar os exercícios
  4. Sobre a adaptação da Cartilha Maternal
  5. A sua opinião conta...

Visualização e Navegação

Procurei minimizar a área do écran dedicada ao contexto de navegação e da Internet, deixando à Cartilha Maternal todo o espaço possível .

Aconselho o leitor a maximizar a área da janela do browser: no Internet Explorer e no Netscape Navigator para Windows carregue em F11.

A resolução mínima aconselhada para uma visualização óptima da Cartilha Maternal é cerca de 1024 x 768. Todavia, deve ser possível visualizar uma página completa com a resolução 800 x 600, desde que a janela do browser esteja maximizada (com F11). Para resoluções menores, aconselho o leitor a reduzir o tamanho das letras até que o conteúdo de uma página caiba no monitor.

O tamanho das letras varia de computador para computador e, em cada computador, varia de browser para browser. O leitor pode alterar o tamanho das letras para melhorar a visualização: no Netscape Navigator siga os menus View | Text Zoom (Ver | ); no Internet Explorer siga os menus Ver | Tamanho do Texto (View | Text Size).

O texto relativo à navegação está escrito em letras muito menores do que o conteúdo das lições e exercícios para que os alunos se concentrem nas letras grandes.

Na linha superior das páginas da Cartilha Maternal, há uma ligação para a página de entrada, o número da lição ou do exercício e uma ligação para o autor da adaptação.

Na linha inferior das páginas das lições há uma ligação para a página de exercícios correspondente, uma ligação para a página de entrada do texto da cartilha, uma ligação para a página anterior e outra para a página seguinte.

Na linha inferior das páginas dos exercícios há uma ligação para o início da lição correspondente, uma ligação para a página de entrada do texto da cartilha, uma ligação para percorrer os exercícios sequencialmente e outra para reiniciar a série de exercícios e finalmente uma ligação para percorrer os exercícios em ordem aleatória.

Estão ainda disponíveis os botões dos browsers para recuar e avançar (back e forward). Estes botões são accionáveis com o apontador (rato ou outro) e com o teclado.

  1. Como usar a Cartilha Maternal na Internet
  2. Visualização e Navegação
  3. Como usar os exercícios
  4. Sobre a adaptação da Cartilha Maternal
  5. A sua opinião conta...

Como usar os exercícios

Os exercícios são o principal valor acrescentado desta adaptação e também a área onde corri mais riscos ao acrescentar material da minha lavra. Se discordar da metodologia ou dos exemplos, ficar-lhe-ei muito grato se me enviar as suas opiniões.

Os exercícios foram escritos e revistos à medida que ensinava o meu filho mais velho a ler. Acrescentei algumas palavras que são hoje correntes em Portugal mas procurei evitar as palavras que têm significados diferentes ou não têm significado noutros países de língua portuguesa.

O número de exemplos aumenta à medida que se progride na Cartilha Maternal. A partir da segunda lição há pequenas frases ou orações para que o aluno sinta que já consegue ler algo com sentido.

Os exercícios podem ser usados de duas formas:

Sequencial
Neste modo os exemplos são apresentados numa sequência fixa, deixando para o fim as frases e orações. Quando se entra na página de exercícios, surge um exemplo escolhido aleatoriamente; depois pode continuar-se a sequência seguindo a ligação "sequencial" ou começar a sequência no início seguindo a ligação "re-iniciar".
Aleatória
Neste modo os exemplos são apresentados aleatoriamente. Destina-se a uma utilização mais avançada e pretende contrariar a memorização pelos alunos da sequência de exemplos.

Em ambos os modos é possível usar os comandos para recuar e avançar (back e forward) para percorrer os exemplos já vistos numa página de exercícios. É igualmente possível passar do modo sequencial ao aleatório e vice-versa.

Não há ligações (links) para navegar directamente entre páginas de exercícios. Quando se regressa de uma página de exercícios à lição correspondente, vê-se sempre a primeira página da lição.

  1. Como usar a Cartilha Maternal na Internet
  2. Visualização e Navegação
  3. Como usar os exercícios
  4. Sobre a adaptação da Cartilha Maternal
  5. A sua opinião conta...

Sobre a adaptação da Cartilha Maternal

A base para esta adaptação foi a versão fac simile parcial da terceira edição (1888) disponível na Biblioteca Nacional portuguesa.

Na versão adaptada foram retirados os vocábulos que mudaram de grafia e por isso deixaram de ser apropriados. Em alguns casos, substituí-os por vocábulos retirados de outras edições. Na última lição faltam duas páginas e o Hino de Amor que reconstituí a partir da minha edição da Cartilha Maternal.

Procurei manter a ordem e a distribuição espacial das palavras nas páginas das lições, em atenção à memória que tenho da Cartilha Maternal.

Além das alterações óbvias por causa da ortografia, registo aqui algumas notas sobre a adaptação relativa à terceira edição apresentada pela Biblioteca Nacional:

Lição nº 10 Apesar de ser frequentemente usado em Portugal, omiti o K pois não faz parte do alfabeto corrente.
Lição nº 14 Alterei a distribuição das palavras na página.
Lição nº 16

Substituí "geito" por "geada".

Admito que haja alguma inconsistência na divisão silábica entre "gagueja" e "goela".

Lição nº 17

Alterei a distribuição das palavras na página.

Evitei a hifenação do texto "Ó Pedro, que é do livro..." para não confundir os leitores com mais uma regra.

Há uma possível inconsistência na divisão silábica de "ferida".

Lição nº 18 Houve muitas palavras com "z" que mudaram de grafia desde 1876, obrigando-me a alterar as palavras usadas e a sua distribuição na página.
Lição nº 19

Alterei a distribuição das palavras para reduzir o número de linhas.

Substituí "socegasses" por "sucedesses"

Lição nº 21 Retirei as vogais nasaladas que já não se grafam com til (e,i,u).
Lição nº 22

Alterei o número de colunas.

Fiz a actualização ortográfica e silábica de "emalarão".

Lição nº 24 As palavras com "ch" não constam da edição da Biblioteca Nacional e foram recuperadas da minha Cartilha Maternal.
Hino de Amor

O tipo de letra usado no Hino de Amor é ligeiramente mais pequeno para que mais versos pudessem caber numa página.

Não foi possível respeitar integralmente as divisões em frases do poema mas procurei fazer uma divisão com sentido, mesmo que tal resultasse numa distribuição irregular do texto pelas seis páginas.

  1. Como usar a Cartilha Maternal na Internet
  2. Visualização e Navegação
  3. Como usar os exercícios
  4. Sobre a adaptação da Cartilha Maternal
  5. A sua opinião conta...

A sua opinião conta...

Este trabalho é fruto da minha experiência como utilizador da Cartilha Maternal e como educador amador pelo mesmo método, sem qualquer formação pedagógica específica. Presumo que haja numerosas falhas e omissões que desejo corrigir e melhorar.

Se tiver críticas, comentários, sugestões de mudanças ou melhoramentos, ou se quiser relatar as suas experiências, êxitos e dificuldades no uso desta adaptação da Cartilha Maternal, não hesite em contactar-me.

      primeira lição